VOCÊ SABE DE QUAIS DOENÇAS A VACINAÇÃO PODE PROTEGER SEU GATO?

02/06/2015 18:34

 

Caio Ribeiro Coutinho

Médico Veterinário (UEL)

Mestrando em Clínicas Veterinárias (UEL)

 

Os gatos podem adquirir uma série de doenças infecciosas que podem causar danos transitório, permanentes e até mesmo levar seu felino a óbito. A boa notícia é que existem vacinas seguras e de boa qualidade para estas doenças.

- Complexo respiratório felino: causa alterações como: espirros, tosse, secreção nasal e ocular, ulcerações orais e estomatites crônicas. É importante que ressaltar que animais curados podem se tornar fonte de infecção para outros gatos, além de muitas vezes ficarem com sequelas permanentes.

A vacina oferece proteção contra os agentes mais importantes: o vírus da rinotraqueíte infecciosa felina, o calicivírus felino e a bactéria Chlamydia psittaci. 

- Panleucopenia felina: doença viral, pode ser transmitida por contato com ambientes infectados, vômito e fezes de animais infectados. Acomete com maior frequência animais jovens, com menos de 1 ano de idade. A mortalidade pode chegar a 100%.

- Leucemia felina: uma novidade ainda no mercado, a vacina confere proteção contra o agente viral responsável por uma das doenças mais graves dos gatos. Pode ser transmitido por contato direto com comida ou água contaminadas, secreções respiratórias, lacrimais, urina, fezes ou pelo leite.

Pode causar neoplasias, como a leucemia, além de distúrbios do sistema imunológico. O animal infectado fica mais suscetível a adquirir outras doenças, principalmente infecciosas. 

O gato pode ser vacinado a partir de 45 dias ou a critério de seu médico veterinário, que definirá o melhor esquema para seu animal de estimação. Além disso, é importante que seu felino tome vacina contra a raiva, importante zoonose (doença comum ao homem e aos animais). Ficou com dúvidas ou tem sugestão para próximos temas? Mande um e-mail para: caioribeiro@veterinario.med.br.

 

BIBLIOGRAFIA CONSULTADA

 

CASTRO, N. B.; ROLIM, V. M.; HESSE, K. L.; OLIVEIRA, E. C.; ALMEIDA, P.R.; WOUTERS, A. T. B.; DRIEMEIER, D.; SONNE, L. Achados patológicos e imuno-histoquímicos em felinos com diagnóstico de panleucopenia felina. Pesq. Vet. Bras., v. 34, 770-775, 2014.

LARA, V. M. Complexo respiratório felino: principais agentes infecciosos. ARS VETERINARIA, v. 28, 169-176, 2012.

SHERDING, R. G.; Vírus da Leucemia Felina. In: BIRCHARD, S. J.; SHERDING, R. G. Manual Saunders de Clínica de Pequenos Animais. 3ª. Ed. São Paulo: Rocca, 2008.